DIA DO COLUNISMO SOCIAL – 08 de dezembro

Por LUCIANA ARCHETE

Advogada e Jornalista MG 19681JP

 

Oito de dezembro é uma data especial para os cronistas sociais ou, colunistas sociais, como ficaram conhecidos os jornalistas especializados em notícias curtas e que fala da sociedade e seus personagens, nas mais variantes.

Todos os jornais, periódicos ou diários, mantém este tipo de coluna que, acaba sendo uma página ou meia, dependendo da demanda do dia.

A data é comemorada em todo o País pelos jornalistas brasileiros. O Dia do Colunismo Social é uma das datas importantes para o jornalismo.

A Coluna Social, como a conhecemos hoje, consiste em reunir informações (nem sempre notícias) sobre personalidades famosas na sociedade de uma cidade, região ou país. Colunistas sociais trabalham “caçando” notas sobre artistas, celebridades, milionários, figuras excêntricas, autoridades e outras pessoas. Este tipo de trabalho é muitas vezes criticado por borrar o limite entre o jornalismo e a boataria.

Nesta data relembro a amiga Vera Lúcia Tabach, presidente Nacional da Abime-Brasil (Associação Brasileira de Imprensa e Mídia Eletrônica).

Ela já foi colunista da Revista Persona. Vera é casada e mora em São Paulo, mas é uma referência em Minas Gerais.

O colunista é um profissional do jornalismo que trabalha escrevendo regularmente para veículos de comunicação (jornais, revistas, rádio, TV, websites), produzindo textos não necessariamente noticiosos denominados colunas. O colunista não precisa ser necessariamente jornalista (o que significa, no Brasil, não precisar ser bacharel em Jornalismo). Alguns dos colunistas brasileiros mais conhecidos, como Luís Fernando Veríssimo e Arnaldo Jabor, não são jornalistas.

Para entender: o nome “Coluna” surgiu em virtude da diagramação original dos textos não-noticiosos publicados regularmente em espaço predeterminado no jornal.

Aos colegas e às colegas jornalistas que cobrem este tipo de notícia para os jornais ou mídias eletrônicas e da televisão um abraço.

Abaixo as colunistas Cristiane Guimarães e Vera Tabach. Dois exemplos de Colunismo Social.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *