FAZENDA FORTALEZA REALIZA CAVALGADA NO DIA 15 DE OUTUBRO

por LUCIANA ARCHETE

Advogada e Jornalista MG19681JP

 

Ela é uma imponente senhora com quase 100 anos de história. A Fazenda Fortaleza pertence à família do engenheiro agrônomo Ismar Nogueira Calcagno que reside em Vila Velha, Espírito Santo. Membro da família Nogueira e Calcagno de Muriaé cresceu na fazenda que fica a dois minutos do Via Park Clube.
A fazenda foi adquirida pelo avô na década de 50 e, foi ali, em meio à natureza, serras e muito verde que os pais de Ismar o criaram ao lado dos irmãos que hoje possuem propriedades rurais em outros municípios de Minas Gerais.
A fazenda Fortaleza foi, inclusive, a primeira de Muriaé a possuir uma ordenhadeira mecânica, tamanha a produção de leite que realizava. Isso fez com que outros fazendeiros procurassem o avô, Ismar França Nogueira, a prestar o serviço e orientar como aumentar a produtividade.
É por esta razão que o engenheiro pretende resgatar a história familiar e transformar o local em um Hotel Fazenda com visitas orientadas, passeios a cavalo, pesca esportiva ou para consumo e lida no campo em meio à natureza. “É um sonho que estou pretendendo realizar. Estou muito perto desta concretização. Afinal, aqui é passagem constante de ciclistas e, ao visitarem o local, conhecem a beleza que é a Fazenda Fortaleza”, lembrou o neto Ismar.
No dia 15 de outubro a fazenda vai sediar a 1ª Cavalgada da Família Fortaleza, reunindo amigos, vizinhos e visitantes. “Será uma das primeiras atividades para o processo de transformação da fazenda em um local de visitação. Vamos realizar outras atividades como confraternização dos ciclistas, passeios e visitas guiados, enfim, é o começo”, lembrou Ismar.

Sede do Hotel Fazenda

A sede do hotel será a casa onde o avô Ismar França Nogueira criou a família. São mais de sete quartos, 22 janelas, sala e cozinha amplas e com fogão a lenha e piscina. A fazenda ainda tem uma capela que hoje se encontra em ruínas. “Uma árvore cresceu nem na quina de uma das paredes e suas raízes fizeram com que a estrutura ruísse, mas pretendemos recuperar a Capela de Santa Rita de Cássia. É uma bela capela que precisa ser resgatada. É a história de Muriaé”, lembrou Ismar Calcagno.
A capela foi construída e 1912 e possui enorme torre e espaço interno para cerca de 50 pessoas.
A propriedades ainda possui uma outra casa com vários quartos e que será usada como o segundo hotel dormitório, casa para caseiro e uma pequena casinha que será transformada em chalé. “Temos um caminho longo a percorrer, mas a estrutura está pronta. Precisamos apenas reformar, recuperar o que estiver danificado e pronto”, disse sorrindo o engenheiro agrônomo.
Fora esta estrutura de dormitórios o local ainda tem curral para gado bovino, pocilgas para porcos, baias para cabras e galinheiro. “Isso sem contar o nosso lago natural com diversos peixes. É uma beleza este local”, disse o proprietário.

 

Mata e  animais

 

No entorno da Fazenda Fortaleza ainda existe mata nativa e abriga diversos animais silvestres como lobos-guará; preguiças; pássaros de diversas espécies e árvores centenárias. “Estarmos próximos ao Rio Preto nos proporciona uma beleza rara. Um local que precisamos resgatar e apresentar à população. Isso aqui, pertinho da cidade, como costumam dizer as pessoas. Vamos trazer e resgatar isso com a consciência de que estamos fazendo o melhor para nós mesmos”, lembrou o proprietário da fazenda.

  

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
29 + 2 =