População registra mais manifestações na Ouvidoria-Geral de janeiro a abril de 2016

As manifestações registradas na Ouvidoria-Geral do Estado (OGE) cresceram 20% no primeiro quadrimestre de 2016 em relação ao mesmo período do ano passado. No total, foram 9.195 registros. De janeiro a abril, foram encerradas 8.738 manifestações, com o envio da resposta ao cidadão.

A Ouvidoria Educacional foi a mais demandada, com 2.588 registros (28,15% do total), com destaque para manifestações referentes às designações (organização do quadro de professores nas escolas).

A Ouvidoria de Polícia recebeu 1.909 (20,76%) manifestações e a de Saúde, 1.883 (20,48%). A Ouvidoria de Fazenda, Patrimônio e Licitações Públicas registrou 1.032 (11,22%). Já a Ouvidoria do Sistema Penitenciário somou 838 (9,11%). Manifestações encerradas no primeiro atendimento totalizaram 727 (7,91%).

A Ouvidoria Ambiental registrou 218 manifestações (2,37%) e, segundo o relatório da Ouvidoria, tem havido aumento das reclamações referentes ao atendimento nas Superintendências Regionais de Meio Ambiente (Supram’s). A equipe da Ouvidoria Ambiental tem visitado as superintendências com maior número de queixas para levar soluções baseadas em boas práticas de atendimento de outras unidades.

A OGE recebe manifestações pelo Disque Ouvidoria (telefone 162), pelo site (www.ouvidoriageral.mg.gov.br) ou na sede do órgão (Rodovia Papa João Paulo II, 4001 – Bairro Serra Verde – Belo Horizonte – MG – Prédio Gerais /12º Andar – CEP 31.630-901). Ofícios e cartas também serão aceitos como manifestações. Na Casa de Direitos Humanos (Avenida Amazonas, 558 – Centro de Belo Horizonte), o atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h30.

ouvidoria-mg2 ouvidoria-mg

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
28 ⁄ 7 =